Head Above Water: finalmente o novo álbum de Avril Lavigne está entre nós!

by - 00:27

Depois de muito tempo de espera, Avril Lavigne presenteou os fãs com o seu novo álbum Head Above Water, lançado nessa sexta-feira (15). O disco é definitivamente o trabalho mais maduro da cantora e é marcado por canções fortes sobre suas experiências durante o período em que ficou longe dos holofotes, como a doença de Lyme e relacionamentos tóxicos. As músicas apresentadas como os primeiros singles deram ao público um aperitivo, mas o CD vai ainda mais fundo. É uma Avril mais adulta que vemos ali, uma mulher que se recupera de uma doença séria que quase a matou, uma pessoa que descobriu uma força interior muito maior do que imaginava. Head Above Water tem vocais poderosos, músicas pessoais e intimistas, mas também alguns momentos mais leves e divertidos.

A primeira canção do álbum é Head Above Water, primeiro single que já conhecemos bem e que deu o tom principal de todo o disco. A música foi lançada pouco depois que Avril publicou uma carta aberta contando um pouco sobre o que a motivou a escrever. Head Above Water foi a primeira música que ela escreveu na cama dela em um momento tenso "Eu tinha aceitado a morte e pude sentir o meu corpo morrendo. Senti que estava afundando. Como se estivesse indo fundo na água e precisava atingir a superfície para respirar. Como se eu estivesse em um rio sendo levada pela correnteza. Sem poder respirar. Orando para Deus pra Ele me ajudar a manter a minha cabeça acima da água. Pra me ajudar a enxergar além da tempestade. [...] A minha mãe me segurou em seus braços e eu escrevi esta primeira música [...]".
Em seguida, vem Birdie, com uma batida que envolve e fala sobre liberdade, amar a si mesmo e se permitir ir mais longe, voar mais longe. De acordo com a cantora, a canção é sobre encontrar confiança suficiente e força para escapar e crescer. Em I Fell In Love With The Devil, Avril conta que a música veio de um momento em que ela se considerava vulnerável e insegura e acabou se envolvendo em um relacionamento tóxico que felizmente não durou muito. "Às vezes seu coração entra em conflito com a sua cabeça e leva você a situações que você sabe que não estão certas e, depois que estiver lá, é muito difícil sair", contou em seu Instagram.
Tell Me It's Over, segundo single que já conhecemos, continua a narrativa sobre um relacionamento que não foi agradável. A música causou estranhamento quando foi lançada por ser muito diferente de tudo que Avril já lançou antes. A cantora contou que teve influências de cantoras clássicas atemporais respeitadíssimas como Aretha Franklin, Billie Holiday, Etta James e Ella Fitzgerald. Dumb Blonde foi o terceiro single (lançado recentemente, na terça-feira, 12) e é a música mais agitada, divertida e diferente de todo álbum. Além de contar com a participação inusitada de Nicki Minaj (que combinou muito!), a canção parece que saiu do The Best Damn Thing (terceiro álbum da Avril). Dumb Blonde tem batidas que lembram o pop dos anos 2000, é alto astral e tem uma letra empoderada. Em seu Instagram, escreveu: "Tive um perdedor na minha vida que foi ameaçado pela minha força, confiança e independência como mulher. Fui menosprezada e me senti mal por quem eu era: uma líder, alguém com uma visão e opiniões, alguém que tem força, desejo, paixão e objetivos. [...] Se você é uma pessoa forte e seu parceiro não consegue lidar com você, encontre alguém que tenha autoconfiança suficiente e possa apoiá-lo, estimulá-lo e inspirá-lo em sua vida."
Depois, vem It Was In Me. Que música linda, gente! Me pegou com força desde a primeira vez que ouvi. Avril explicou que ela fala sobre autoconhecimento, autoajuda. Momentos em que a gente procura respostas, mas essas respostas estão dentro da gente. Souvenir é fofa e romântica. Conta a história de um romance de verão que não tem pretensão de durar muito, mas que ela gostaria de aproveitar ao máximo e viver o momento. Crush também é muito romântica. É sobre estar apaixonada, se envolvendo cada vez mais com a pessoa, mas ao mesmo tempo receosa devido a relacionamentos anteriores que não deram certo. É fácil se identificar com essa, né? Goodness tem um toque de violão muito gostosinho e também fala sobre amor. "Pode haver momentos na vida em que você esteja se sentindo perdido, triste e solitário. Parece que não há luz no fim do túnel, e então você conhece aquela pessoa especial que adora você por você e faz com que você se sinta a pessoa mais bonita e especial do mundo."
Chega Bigger Wow com uma vibe leve e feliz, falando sobre viver a vida da melhor forma. Eu simpatizei com essa música tão rápido e provavelmente outras pessoas que ouviram devem ter sentido o mesmo. Love me Insane traz novamente a temática amor, sobre ousar se arriscar a se apaixonar novamente. O álbum é encerrado com a balada forte Warrior. Assim como Head Above Water, ela também fala sobre superação e saúde. Foi uma ótima forma de terminar um álbum tão bonito e sincero como esse.
Ouça o álbum:

You May Also Like

1 comentários

Obrigada pelo comentário! Se tiver um blog ou site, coloque o link!