The Marvelous Mrs. Maisel: conheça a série mais premiada do Emmy 2018

''The Marvelous Mrs. Maisel'' foi a queridinha da 70ª edição do Emmy 2018, que levou 7 das 11 categorias indicadas. Alguns dos prêmios recebidos foram de Melhor comédia, melhor atriz de comédia (Rachel Brosnahan), Melhor Atriz Coadjuvante (Alex Borstein), Melhor Direção e Roteiro de episódio piloto, recebidos pela criadora Amy Sherman-Pallatino (que é criadora também da série Gilmore Girls!). A série, lançada pela Amazon em 2017, passou por fase de teste com seu episódio piloto, levando depois para o lançamento de mais sete episódios completando a primeira temporada com 95% de aprovação no Rotten Tomatoes ( site de crítica de cinema e televisão).
A história de ''The Marvelous Mrs. Maisel'' ou traduzindo para o português ''A maravilhosa Sra. Maisel''  é empolgante  por ser uma criação da Amy Sherman-Pallatino, que teve seu grande sucesso na época de Gilmore Girls e também por mostrar a vida de Miriam ''Midge'' Maisel (Rachel Brosnahan) que é casada com Joel Maisel (Michael Zegen) e tem uma vida típica das mulheres dos anos 50. Como a perfeita dona de casa, Maisel tem dois filhos (uma menina e um menino) e administra seu apartamento no Upper West Side, em Nova York. Embora seu marido Joel trabalhe no escritório em horário comercial, ele passa as noites em bares para realizar seu sonho de se tornar comediante, tendo Midge do seu lado para acompanhar os horários e lhe ajudar. Até que um dia, as apresentações de Joel não vão bem e ele junta suas roupas e vai embora. Perdida com a separação do marido e as revelações sobre o caso que ele tinha com a secretária, Midge vai em uma noite para um dos bares que seu marido costumava frequentar para os seus stand-up e começa a contar das histórias que passou durante sua vida. Contudo, no decorrer dos seus shows de comédia, Midle acaba encontrando Susie (Alex Borstein) que ajuda ela a seguir o ramo de comediante.
A série, além de ser divertida, mostra como é difícil a entrada das mulheres em ramos que são em sua maioria constituídos por homens, não apenas nas décadas de 50 à 60 como atualmente. A relação que as mulheres tinham nessa época participando do gênero comédia, representava a elas como figuras caricaturais diferentes da normalidade vivida, então Midle acaba quebrando com isso embora seja um personagem ficcional. Sendo assim, a série trás mulheres com personalidades espontânea e que conseguem dar uma volta por cima (características também da Lorelai, outra personagem da Amy Pallatino, na série Gilmore Girls). Ela foi renovada para a segunda temporada, que deve voltar nesse segundo semestre de 2018, trazendo mais dos seus personagens e figurinos cativantes.

You May Also Like

1 comentários

Obrigada pelo comentário! Se tiver um blog ou site, coloque o link!